sexta-feira, outubro 28, 2005

Quem é favelado mesmo?

Uma coisa não se discute: o quintal do cara é muito foda!

Pra quem achava que o voto era obrigatório...

...eu acabei de descobrir que não é. Não precisa justificar nem contar estória triste: se vc não estiver a fim de votar, passa depois em uma zona eleitoral, pega um boleto pra pagar a exorbitante taxa de R$ 3,51, volta lá pra mostrar que pagou e tá tudo safo. Tem 30 dias pra fazer esse processo todo. Ô "paiszinho" de merda.

Diferenças entre a fantasia e a realidade

SÁBADO

Fantasia: Vou agitar tudo que eu tenho pra fazer em casa, ir ao mercado, etc e tal...e aí qdo estiver liberado vou torrar um e ficar de bobeira.

Realidade: O "estar liberado" ocorre mais ou menos à meia-noite...

DOMINGO

Fantasia: Vou fazer logo as coisas que tenho pra fazer em casa de manhã, almoçar, votar e aí tô de bobeira em casa.

Realidade: Em 365 dias de um ano de eleição, adivinha qual o dia que o seu carro vai escolher pra dar um pití na parte elétrica?



QUALQUER DIA DA SEMANA

Fantasia: "Pô, tive uma idéia para um post novo, qdo eu chegar em casa mais tarde vou colocar no blog!"

Realidade: É ruim, hein?


terça-feira, outubro 18, 2005

Mitos e verdades sobre o referendo

Custou, mas finalmente eu me decidi. Não que eu seja um procrastinador, é que decisões importantes merecem as devidas reflexões. Vou tentar reproduzir aqui os principais argumentos do SIM e do NÃO.

OS ARGUMENTOS DO SIM

"Arma é morte, eu sou favor da vida, portanto voto SIM."

OK, eu vou tentar não ser muito duro com os fugitivos do jardim de infância. Vamos esclarecer uma coisa: esse referendo NÃO É para banir as armas do planeta. Se fosse eu até votaria no SIM, mas não é. A pergunta é: "Você é a favor da proibição do comércio de armas de fogo e munição no território nacional?". Ou seja: quem já tem arma VAI CONTINUAR TENDO ARMA. Embora a lei seja conhecida como "Estatuto do desarmamento", ela não vai desarmar ninguém. Independente do resultado, após o referendo existirá o mesmo número de armas legais no país.

"O SIM vai diminuir o número de acidentes domésticos e crimes passionais."

Novamente - essa lei não vai desarmar ninguém. E se as pessoas vão continuar tendo armas, baseado em quê alguém pode achar que o número de acidentes vai diminuir? Vc pode até argumentar que "não vai aumentar", mas isso aí eu vou comentar daqui a pouco.

"Muitas das armas em posse dos bandidos são de origem legal, se o comércio for proibido isso vai dificultar a vida deles."

Essa é uma meia-verdade. Realmente, muitas são armas legais - mas a imensa maioria proveniente de firmas de segurança privada (que mesmo com a vitória do SIM continuariam podendo comprar armas). O percentual relativo à armas provenientes da chamada "população ordeira" - segundo a Época, que é da Globo, e está apoiando ostensivamente o SIM - é de 0,17%. Logo, não é esse o problema.

OS ARGUMENTOS DO NÃO

"A violência vai aumentar muito mais se os bandidos souberem que ninguém tem armas."

Talvez fosse verdade - só que se o SIM ganhar, isso NÃO QUER DIZER que vc está pendurando uma plaquinha "AQUI NINGUÉM TEM ARMA" na porta da sua casa, simplesmente pq vc pode ter adquirido sua arma antes do referendo.

"E os policiais, quando fora do trabalho, vão ter que andar desarmados? E a prática esportiva?"

Isso aí é simplesmente mentira. A lei prevê exceções para policiais, esportistas (com a devida burocracia), pessoas que dependem de armas para subsistência ou moram em áreas remotas, e mais "n" casos.

"Mas é um direito meu escolher se devo comprar uma arma ou não!!!"

Teoricamente sim, mas o fato é que o Estado sempre interviu nos nossos direitos desde os sinais de trânsito até estipular a maioridade. Isso não seria argumento.

"Os bandidos usam fuzis que já tem a sua comercialização proibida, acabar com o comércio não adianta."

Você entendeu errado: ninguém está perguntando qual a melhor maneira de acabar com a violência. Vc pode até questionar se A PERGUNTA QUE ESTÁ SENDO FEITA É A CORRETA OU NÃO, mas isso não muda o fato de que é essa pergunta que nos cabe responder. Se vai haver ou não comércio de armas de fogo NÃO TEM NADA A VER COM O FATO DE BANDIDOS USAREM ARMAS EXCLUSIVAS DAS FORÇAS ARMADAS. NÃO É ISSO QUE ESTÁ SENDO PERGUNTADO. "Deve haver comércio de armas: sim ou não?" - essa é a pergunta.

"Com a proibição, o comércio ilegal vai aumentar."

Ok, agora eu me rendo. Confesso que esse argumento decidiu o meu voto. O fato é que ninguém é tão ingênuo para acreditar que caso o comércio seja proibido, os pretensos compradores de armas SIMPLESMENTE NÃO VÃO COMPRAR ARMAS PQ É PROIBIDO. Vão comprar sim, mas no mercado "paralelo". E aí estaremos cometendo o mesmo erro que foi cometido quando um dia proibiram as drogas no nosso país - entregar o ouro aos bandidos. A palavra chave aí é "LEGAL". Nas entrelinhas, a pergunta é "Você é a favor da probição do comércio LEGAL de armas de fogo e munição?". Muita gente mudaria de opinião se notasse que a questão não é se a população quer acabar com o comércio - isso é utopia, e nós estamos construindo uma lei para um mundo REAL, não utópico - é se a população prefere o comércio legal ou o ilegal. Aí fica meio óbvia a resposta, né? E pra quem achava que talvez o número de acidentes "não fosse aumentar" se as armas fossem proibidas, não se esqueçam que a burocracia é tanta pra se comprar uma arma legal hj em dia que É BEM MAIS FÁCIL comprar no mercado negro. Agora imagina só se a comercialização for proibida...

Por favor, sem dogmas nos comentários - o debate é sempre a melhor saída para o consenso.

segunda-feira, outubro 17, 2005

Implicância gratuita

Graham Taylor é meu ídolo!!!

Paumolescência imediata

E se a "usuária" em questão resolver ouvir um Negritude Jr., como é que fica?

Bandidagem criativa

Esse cara aqui tá fazendo escola: dá uma olhada no que esse cara e esse outro andaram fazendo...se alguém um dia me perguntar a definição de "tragicômico", eu com certeza vou citar esses exemplos...

terça-feira, outubro 11, 2005

Ozzy homenageia o Rei Escarlate

Deu no Globo:

"Nesta época em que DVDs e compilações ocupam mais espaço nas prateleiras do que discos de carreira, uma caixa de Ozzy Osbourne só surpreende pelo tempo que levou para aparecer. Afinal, um cantor veterano de rock com vasta (e boa) discografia, que freqüenta o olho do furacão da mídia há três anos, e é chefiado, aliás, casado com uma máquina de trabalhar e fazer dinheiro como Sharon Osbourne já poderia ter aproveitado o bom momento há mais tempo.

“Prince of darkness” é uma luxuosa caixa com quatro CDs, que resumem os 25 anos de carreira solo do cantor e ainda reúnem raridades, além de um libreto de 60 páginas.

(...)

O último disco foi, em sua maioria, gravado para a caixa — e deve ser lançado avulso, com o nome “Under covers”: Ozzy canta suas maiores influências, como os Beatles (“In my life”, “Working class hero”, de John Lennon), os Rolling Stones (“Simpathy for the devil”), o King Crimson (“21st century schizoid man”, que parece feita sob medida para ele) e David Bowie (“All the young dudes”). Todas na voz de um dos mais relevantes membros de sua geração."


CARALEO, OZZY CANTANDO "21st CENTURY SCHIZOID MAN" DEVE SER UMA DAS COISAS MAIS ANIMAIS DA HISTÓRIA DO ROCK!!!

::Já notaram que quando alguém que vc gosta toca música dos outros é homenagem, e quando alguém que vc NÃO GOSTA faz o mesmo...é cover? Sai dessaí agora, ô Iba, rsrsrs::

Da série Cenas Ridículas do Cotidiano


  1. Você ainda não viu nada sobre propaganda até o dia em que passar em frente à uma loja e se deparar com um Frankenstein de um metro de altura dançando Born to Be Wild.

  2. Filipensses passando na Praça Tiradentes, quando nota que uma moçoila de difícil vida fácil tá discutindo com um cara. Lá pelas tantas a mulher se invoca e no meio da discussão ela solta um "seu...(isso mesmo, rolou uma pausa de alguns segundos onde ela tentava encontrar um palavrão à altura do cidadão e o público passante ficava na expectativa)... ...não sei nem o que dizer de vc! PONTO DE INTERROGAÇÃO PRA VC! Ó, PONTO DE INTERROGAÇÃO PRA VC!!!

  3. Não descobri ainda se PONTO DE INTERROGAÇÃO (acompanhado do gestual e escambau) é uma nova espécie de xingamento terrível ou se a mulher era tão burra que não conseguiu descobrir um raio de um palavrão pra xingar o cara (e olha que em palavrôes o nosso idioma é bem pródigo...)

quinta-feira, outubro 06, 2005

O fantástico mundo de Filipensses

"Não sei se é excesso de adubo, mas eu costumo me considerar uma pessoa com uma imaginação muito fértil. Não que isso seja realmente importante de alguma forma - afinal, noventa por cento do que ela produz não é anda além de lixo reciclável. Explico: cês lembram daquele desenho do "Fantástico Mundo de Bobby"? Pois é, eu sou "meio Bobby". Eu juro que não é voluntário, mas o fato é que em diversas situações cotidianas em que me encontro eu me ponho a imaginar um desenrolar de fatos da situação TOTALMENTE ABSURDO. RARAMENTE acontece de sair desses neurônios excessivamente lisérgicos algo que seja coerente com a cabeça de um ser humano pretensamente normal. Um exemplo típico está nesse post aqui."

Na verdade, isso aí é só a introdução de dois posts que eu ia publicar mas que eu resolvi juntar em um só. Eu ia publicar direto, mas depois eu pensei melhor e achei que se eu não desse as devidas explicações vcs começariam a me achar anormal demais (salientem o "demais" nessa frase, por favor, rsrsrs...)

Primeiro "post"  - Titio filipensses circulando de bobeira na Rua do Ouvidor quando de repente nota uma certa concentração em frente a Saraiva. Como todo bom curioso, lá fui eu fazer a pergunta de sempre  - "Que parada é essa que tá rolando aí?". Qual não foi a minha surpresa quando soube que era a Grazi do BBB autografando a Playboy dela. Peraí, autografando Playboy? Pronto, foi a senha pro fantástico mundo de filipensses entrar em ação. Foram questões de segundos pra eu ficar imaginando uma enquete sobre "o que vc falaria pra Grazi se vc levasse a Playboy dela pra ela autografar?". Afinal de contas, deve ser um bocado esquisito no mínimo vc vender uma obra onde o seu único mérito foi o de se exibir pelada...seguem as opções:

  Opção A) "Pô, bem que me falaram que era fotoxópi!!!"

  Opção B) "Vc pode assinar aqui pra mim?"
                    "Aqui?"
                    "Não, mais pro lado, pra não rabiscar a peitaria."

 Opção C) "Vc tá sabendo da CPI?" (Putz, esqueci que não dá pra FALAR usando links ainda...)

 Opção D) "Se eu tirar umas fotos pelado vc vai lá pegar o meu autógrafo tb?"

 Opção E) "Eu apostei dez merréis como a sua bunda tem celulite e rolou um fotoxópi na parada, dá pra gente conferir?"

 Opção F) "Quando que vc vai posar nua?" (Quem não entendeu leia a estória da CPI aí de cima)

 Opção G) (Essa é para quem não fala português) "Nice pussy!!!"

Tô aceitando sugestões de mais opções, quem for tão retardado quanto eu coloca aí nos comentários...

Segundo "post" - Titio filipensses circulando pelo centro da cidade quando pára numa banca de jornal pra ler as notícias do dia (eu tenho uma atração irresistível por bancas de jornal, é quase impossível eu passar por uma banca sem parar nem que seja por poucos segundos). Passando os olhos nas notícias, uma me chamou a atenção: era algo do tipo "Nova técnica cirúrgica poderá devolver visão a Stevie Wonder". Adivinhem qual foi o primeiro pensamento que passou pela cabeça do Bobby aqui?

 "Puta que pariu, vou ter que reformular todo o meu repertório de piadas de cegos!!!"

O fim da picada

Mensalão, dinheiro na cueca, envio de dinheiro ilegal para o exterior, lavagem desse mesmo dinheiro aqui no Brasil, desvio de verbas públicas, cinismo na televisão, caixa dois, bodes expiatórios, Land Rover de "presente" - tudo isso a gente tolera. Agora, esculhambar o campeonato brasileiro - aí já é sacanagem.

domingo, outubro 02, 2005

O Flickr é muito phodr!!!

Quem me conhece sabe que eu detesto fotologs. Não pelo conceito em si, mas pq eu NUNCA vi até hj um fotolog que não fosse uma zona lotada de propagandas e visualmente poluída. Eu até tinha vontade de compartilhar fotos, mas eu detesto tanto fotologs que sempre fugi da idéia.

Até que eu amadureci a idéia de entrar no Flickr. Eu já tinha criado uma conta há muito tempo atrás, mas tinha sido só mesmo para hospedar umas 3 imagens e só, não parei pra explorar. Agora eu abri uma nova conta e andei fazendo uns uploads, e sou obrigado a dizer: o Flickr é MP*!!! Não se trata de um fotolog (que por definição é organizado de forma cronológica), e sim de um espaço para hospedar e compartilhar fotos. Essas podem ser organizadas por tags (descrições que vc pode usar para classificá-las), podem ter notas (passe o mouse em cima das minhas fotos que vcs vão entender como funciona...), serem apresentas na forma de slideshow e mais uma porrada de recursos. E o mais legal é que NÃO TEM LIMITE DE ESPAÇO!!! O único limite é de banda, ou seja, vc só pode fazer 20MB de upload por mês. Convém reduzir a resolução pra fazer o upload (eu tô usando 650 pixels de largura, tenho conseguido fotos de 65-140KB de tamanho). Pra fazer isso vc vai precisar de um programa gráfico (eu uso o GIMP, pra quem usa Windows tem os "fotoxópis" da vida).

Meu link lá é esse aqui. PERAÍ, NÃO CLIQUE AINDA. Eu não coloquei as minhas fotos públicas (tô ainda pensando a respeito...), então quem quiser ver vai ter que criar uma conta no Flickr e me adicionar como contato e como friend (aos 3 leitores mais assíduos dessa joça eu já mandei convite - vcs serão solicitados a criar uma ID Yahoo caso não possuam). Quem não recebeu convite não esquenta, basta abrir uma conta no Yahoo que vc tem direito a criar uma conta no Flickr.

Minhas tags (por enquanto):

Antiquário (ver como slideshow)
Isabelle (ver como slideshow)


Vejo vcs por lá (se houvesse um campeonato de posts que mais usam parênteses, eu iria competir com esse post)!!!

* MP=Muito Phoda!!!