quinta-feira, junho 30, 2005

Super-Plágios, parte 6 - Vício esquisito...

OK, eu admito que eu adoro bichos. Sempre tive bichos em casa, e não demorou mais do que alguns meses depois de casar pra gente adquirir um pastor alemão. Agora entre gostar de bicho e ser viciado em cocô de cachorro (?!?!?!?!) vai uma grande distância...dêem só uma olhada nisso:

"(...)já estou viciado, admito, em catar seu cocozinho. De duas a três vezes por dia lá vou eu com meu saquinho plástico. E sim, senhor, acabei ficando viciado nisso. Começou como uma obrigação. Era dureza, nunca vi um cachorro cagar tão fedido quanto a Seidi Sara. Me lembro que tinha vez que eu precisava segurar o fôlego pra não vomitar. Depois foi ficando cada vez mais tranqüilo, até que me acostumei e, vejam só: passei a gostar. Mais um tempinho e, sem perceber, constatei o pior: eu estava viciado. Acordo no meio da noite e levo até uma lanterninha para garantir que vou pegar até o último pedacinho de cocô. Tem gente que é viciada em crack, eu sou viciado em catar cocô de cachorro. E daí?"
Com essa eu me despeço dos super-plágios, pelo menos por enquanto. Os próximos plágios entrarão nos "plágios da semana", como sempre.