terça-feira, agosto 31, 2004

Piratas Esotéricos

Justamente por eu ser um estudante de misticismo e particularmente interessado no assunto, eu fico meio puto qdo vejo um monte de charlatães (muito provavelmente até bem intencionados) se dando bem por aí às custas de muita gente idônea e atrás de um consolo (no bom sentido) espiritual. Quem é vegetariano ou costuma comer em restaurantes vegetarianos sabe é que esse tipo de lugar é particularmente propício a esse tipo de propaganda. Hoje, por exemplo, tinha lá no mural do Tempeh, restaurante vegetariano na Primeiro de Março:

"Formação em Renascimento" - deve ser algo do tipo uma universidade pra te ensinar a morrer ou algo assim;

"Treinamento em Renascimento" - esse aí deve ser o estágio da universidade aí de cima, cê fica morrendo um monte de vezes até ficar craque;

Mas o mais foda foi esse aí embaixo:

"Treino Crânio-Sacro: toque (?!?) acolhedor (?!?!?!?!?!?!) que vai recuperar a sua saúde física e mental".

segunda-feira, agosto 30, 2004

CruSSificados pelo sistema!!!

Se vc realmente quer ver coisas abomináveis que circulam pela Internet, então vc precisa conhecer esse site. Os caras simplesmente se dispuseram a coletar tudo o q existe de mais ridículo em se tratando de blog, e premiam a criatura dantesca com a cruSSificação (assim mesmo, com dois "esses"), o q vem a ser exatamente a menção no tal CruSSificados. Até aí, td bem. O engraçado é vc navegar pelos sites crussificados. Lá vc vai encontrar coisas como o blog do cara q era do Trem da Alegria (vcs ainda lembram dessa merda?). Cuidado, não cliquem agora. É muito ridículo e vcs podem ter um choque. Respira fundo. Pronto, clica lá. Clicou? Entendeu, agora, como um blog pode ser mais do que simplesmente patético, ridículo e imbecil?
"Ah, cê é muito radical, tá exagerando!". Ah, é? E esse aki, que que vc me diz, hein? Pq diabos esse ser se esforça tanto para parecer mais retardado do que já é? E precisa falar "xegamul nu park 6:15 pur aih..aih tava na plakinha ki ia abri so 7 oras..hauhuihaiuhiuahui aih nois fiko lah isperanull".
Achou pouco? Tá, agora eu vou pegar pesado. Visitem esse site aqui e mais esse. NÃO CLIQUEM SE VCS ACABARAM DE COMER AGORA, DEPOIS NÃO DIGAM QUE EU NÃO AVISEI. Quem achar algo mais tosco me avisa, eu nunca vi.


" - Sabe qual é a pena por esconder um criminoso?"
" - Não."
" - CRUCIFICAÇÃO!!!"
" - Ah, tá."
" - Terrível, não???"
" - Podia ser pior."
" - COMO ASSIM, podia ser pior???"
" - Podia ser um esfaqueamento."
" - ESFAQUEAMENTO?!?!Acaba em um segundo!Crucificação demora horas!!!É uma morte lenta, horrível!!!"
" - Pelo menos é ao ar livre."


PS: Quem não entendeu o último diálogo é pq faz parte do grupo dos infelizes que não assistiram esse filme. Pare QUALQUER COISA que vc estiver fazendo AGORA, vá a locadora e alugue. De nada.

PS2: Michael, eu já sei que vc vai falar do Ratos de Porão nos comentários. Não precisa, foi só um trocadilho.

domingo, agosto 29, 2004

Acabou

Depois de uma porrada de tempo, finalmente acabaram as Olimpíadas. Não dá mais pra dar uma escapada no trabalho pra ver em alguma TV escondida no departamento como anda a competição de ginástica (o q acaba sendo um grande exercício de enrolation). No final das contas, o saldo foi positivo: já que o futebol não foi, a minha única expectativa nessas Olimpíadas era a de assistir essa cena aí embaixo:


O vôlei mais fodão do mundo

É óbvio q eu, com todo o meu sangue ruim que me é nato, procurei uma foto de um jogador italiano chorando igual criança pra ilustrar esse blog, mas os fotógrafos free-lancers que trabalham para a BNN (Barroso News Network) não tinham credenciais pra trabalhar lá em Atenas. Só fico chateado com o fato de que num país em que o vôlei é o melhor do mundo (campeão olímpico, mundial, da Liga Mundial e da Copa do Mundo), não existe nenhum incentivo/divulgação por parte da mídia. Ninguém sabe (e aí me incluo) quais são as equipes no Brasil, como e qdo é o Campeonato, onde existem escolinhas, etc, etc. É como se o esporte simplesmente não existisse até uma exibição da nossa seleção, que diga-se de passagem, quem acordou cedo hj (EU FUI UM!) sabe que se trata de um espetáculo a parte.

PS: Acho q eu tô ficando fora de forma, há muito tempo q eu tô só falando sério por aki. Preciso pensar em alguma merda digital urgente.

sexta-feira, agosto 27, 2004

Trio de pastores alemães

Eu me lembro que eu tinha uns dois meses de casado mais ou menos qdo comecei a pesquisar sobre raças de cães, a fim de eleger a quem caberia a honra de proteger a sede do quartel-general do Barroso. Não chegou a ser uma pesquisa muito grande, pois qdo eu comecei a ler sobre o pastor alemão eu perdi rapidamente o interesse de conhecer outras raças.


Dizem q o cão aos poucos passa ter uma personalidade parecida com a do dono, mas eu não sei pq lá em casa as coisas aconteceram meio ao contrário. Explico: o pastor alemão é um cão EXTREMAMENTE metódico. TUDO ele faz é sempre EXATAMENTE do mesmo jeito. O tipo de "festa" que ele faz qdo a gente chega em casa, a reação q ele tem qdo a gente "anuncia" q vai botar a ração dele, o "banheiro" dele...tudo é sempre igual. E o casal-comandante do quartel-general do Barroso, estranhamente, tá ficando assim tb. E o mais incrível: eu tô achando isso o máximo.
Quer ver? Uma bela noite de sexta-feira rolou uma puta macarronada lá em casa acompanhada de um vinho tinto seco e um DVD. Por alguma razão misteriosa, na semana seguinte tb. E agora é ritual; noite de sexta-feira tem q ter massa/vinho/DVD. Senão não é sexta. E, diga-se de passagem, a Sra. filipensses faz uma massa q é dessas de comer rezando de tão espetacular q é(eu costumo dizer q ela nunca vai poder reclamar dos meus quilinhos extras pq ela é em boa parte responsável por isso, rsrs).
Outra? Um belo dia (quer dizer, não lembro se era belo ou não) a gente resolveu q esse papo de jantar era um negócio muito pesado pra noite. "Ah, vâmu passar a comer sopa, uns sanduíches e tá safo, senão a gente vai dormir com a barriga muito cheia, etc, etc...". Beleza. Estranhamente, agora, nosso cardápio de segunda a sexta é sempre assim: dois dias de sopa (quase sempre de ervilha), dois dias de hambúrguer (vegetal, é claro), e a sexta é o ritual. Ninguém combinou isso, aconteceu de forma natural. Eu só não consigo entender é o q q a gente vê de tão legal nisso. Vira e mexe a gente descobre mais uma mania nossa e morre de rir com isso. Sei lá, mas eu tô meio com medo de um dia desses começar a latir no quintal. E o pior: começar a achar isso muito foda.

Prisão de Ventre

É, eu sei, eu já vi. Deu tilt nos comentários, pela segunda vez. Parece q dessa vez eles se mudaram de vez e foram morar com o Brizola, e provavelmente não vão voltar. Por hora, eu abandonei o commentthis e tô usando o Haloscan (o mesmo do blog do Levi). Não comentem nos posts antigos, pois eu tô tentando dar um jeito de um dia, num futuro próximo, fazer com q os comentários antigos reencarnem por aqui, e aí eu vou ter q optar entre um ou outro. De qq modo, essa solução é relativamente temporária, pois esse blog vai passar por uma pequena revolução em breve (aguardem novidades!).

PS: SINAL INEQUÍVOCO DE VELHICE: se vc leu esse post e entendeu o q é TILT, então vc é velho pra caralho. É, fudeu, eu sei.

PS2: Porra, q mania de falar "é, eu sei"!!!!

terça-feira, agosto 24, 2004

O esporte faz mal a saúde

Em mais uma pesquisa patrocinada pelo canal de TV à cabo Barroso Health, ficou provado que o excesso da prática de esportes de impacto, especialmente o atletismo, pode transformar o ser humano num elefante. Caso esse excesso seja constante, em condições extremas, o ser humano pode ser transfomado em formiga. A prova incontestável do resultado da pesquisa está demonstrada na foto abaixo.


" - As bolas!!!As bolas!!!As bolas dos meus olhos estão saltando!!!"
" - Qualé formiguinha, vai correr da raia agora?"

segunda-feira, agosto 23, 2004

Boletim Olímpico

O futebol feminino do Brasil tá na final. Juro q eu não sei se eu torço contra ou a favor. Já pensou: nóis nem nos classificamos, elas voltam com o ouro? Vai ser foda...

Enquanto isso...

Isso q dá babar o ovo antes do tempo. E agora, quais serão os argumentos técnicos pra explicar pq a Daiane se fudeu? Vão falar do joelho, da pressão psicológica, etc, etc...mas foda mesmo vai ser o vaselina do Galvão Bueno, com aquele papo de que "não, de qq forma ela é uma vencedora, uma vitoriosa, é o símbolo da força de vontade brasileira (continua ad eternum extrema babação de ovo)"
Bem disse o Gory :

" - Die Ane! Die Ane! Die Ane!"

sexta-feira, agosto 20, 2004

A palavra final

Finalmente, depois de décadas discutindo sobre to cannabis or not to cannabis; parece q alguém encontrou o argumento definitivo. Tem q ser membro do Orkut pra ler, mas acho q todo mundo q lê essa joça já é...Tentem não morrer de rir, por favor, o Barroso preza a vida de seus leitores...

Momento Google

Vcs acreditam que chegaram aki desse jeito? E desse aki? Os deuses devem estar loucos...

quinta-feira, agosto 19, 2004

Existe vida depois dos 90!

Bem, não tem jeito, eu vou ter que trazer o assunto pra cá senão a gente nunca vai sair dos comentários. Antes que vc pense q eu fiquei maluco: não, esse não é um post sobre a terceira idade. Os "90" aos quais eu me referi no título são a nossa última década. Isso é um lance q o Capitão Rapadura vive me sacaneando, dizendo q eu sou monstro sagrado do rock, q eu parei no Led, etc. Apesar de ser exagero dele, até existe um fundo de razão, e eu vou explicar o porquê (PUTA QUE PARIU, FODEU, LÁ VEM POST GRANDE PRA CARALHO DE NOVO!). É possível q esse post seja meio longo, portanto se vc tá sem saco, é bom vc deixar pra ler depois (NÃO FALEI? LARGA MÃO DE SER NERD E SAI DA FRENTE DO COMPUTADOR QUE EU QUERO VER!!!VAI VER O SOL PRA VER SE VC LEMBRA COMO É!!!).
O negócio é q eu sempre curti uma porrada de sons diferentes (exceto aquela merda do punk), mas do meio da década de 90 pra lá começou a surgir uma certa espécie de frustração: parecia q tudo q eu ouvia era continuação de algo q surgiu nos 80 ou antes ainda.A grande exceção foi o Dream Theater. Mas tirando eles, os 90 não trouxeram nada de novo. Ou pelo menos eu achava. Mas pra isso a gente tem q voltar no tempo um pouquinho (NÃO!!!TORTURA NUNCA MAIS!!!).
Além de ser musicalmente um lixo, sociamente primata e higienicamente precário, o punk me fez o favor de enterrar o meu estilo musical favorito - o rock progressivo. Não, eu não ouço só progressivo, como o Jabá tenta fazer parecer. Eu ouço um bocado de fusion (Jean-Luc Ponty e Al Di Meola são os meus favoritos), erudito, new age (Loreena McKennit rocks!), metal pra caramba, etc...
E por acreditar que o progressivo estivesse enterrado, esse estilo pra mim meio q se resumia aos clássicos do gênero: Genesis, Yes, Pink Floyd, ELP, Van der Graaf, etc...Foi então q eu recebi a iluminação, e ela apareceu no Orkut: o Prog Archives.
Lá eu descobri q o punk não matou o progressivo, apenas jogou os spotlights para si. O site é uma verdadeira enciclopédia. Foi uma agradável surpresa saber q o progressivo vive firme e forte, apenas numa dimensão diferente. Passeando pelo site cês vão notar banda de TODOS OS CANTOS DO PLANETA, com material atual e de ótima qualidade. Sem contar os sons mesmo antigos mas q eu desconhecia. Tipo Goblin, Spock's Beard, Banco del Muttuo Soccorso, Anedokten e Le Orme, só pra dizer as que eu baixei alguma coisa. Sim, o mais foda do site é q VC PODE BAIXAR ALGUNS MP3's pra sacar o som da banda!!!Óbvio q é pouca coisa, pra pegar material de verdade use o seu programa-de-pirata favorito.
Bem se vc leu até aki mesmo sem ser um fã de progressivo mas gosta de rock (qualquer q seja o gênero), sua paciência merece ser recompensada(GRAÇAS A DEUS, VAI ACABAR!!!). Esse site dispensa comentários. Entre lá, use e abuse. Não existe NADA em se tratando de rock and roll na rede q se compare a ele. A propósito: não há de quê, disponha. O Barroso taí pra isso. (ALELUIA!!!LOUVEMOS AO SENHOR, ACABOU!!!)

Se a 2000 chegar, de 2000 não passará...

Graças a vcs e com a grande ajuda dessa senhora, o Barroso atingiu a marca de 2000 visitas. Pra quem não sabe, por conta de uns posts citando a dita cuja, uma porrada de punheteiro veio parar aki dizendo q Deus tinha mandado. Bem, dessa vez não vou botar porra de foto nenhuma, é só clicar no ícone do Site Meter lá embaixo à direita q cês vão ver...Pra quem não sacou o título, é uma frase (não sei se é exatamente assim) q normalmente é atribuída a Nostradamus, embora eu não leve fé nisso...Estaria ele antevendo o fim do Barroso? Ou seria essa mais uma idiotice pra encher lingüiça? Ou...

INTERROMPEMOS ESSE POST PARA INFORMAR QUE NOSTRADAMUS MANDOU ZERAR A CONTAGEM, SENÃO ELE TÁ FUDIDO. OU MELHOR, O FILIPENSSES TÁ FUDIDO, PQ ELE VAI JOGAR UMA "MARDIÇÃO SARÁ MALIGNA" QUE IMPEDIRÁ QUALQUER PESSOA DE ACESSAR O BLOG SÓ PRA MANTER AS VISITAS EM 2000. E SE VC FOR OLHAR E ESTIVER COM MAIS DE 2000...É MENTIRA.

PS: Não deixem de ler a entrevista lá no primeiro link, é a única coisa q presta nesse post.

O repouso da quarta

Qual é a melhor maneira de terminar a quarta-feira? Quarta-feira é uma ilha cercada de dias por todos os lados, já dizia o Calvin. E se alguém te ligasse às 5:30 da tarde dizendo q vai rolar no Centro Cultural da Justiça Federal um show do Quaterna Requiem dali a uma hora e meia? E que o ingresso custa dez merréis? E que eles estariam aproveitando a ocasião pra gravar o DVD comemorativo de 15 anos de banda? Cheguei em casa às 11 da noite, mas valeu. Que show, que banda. Eu já tinha assistido a um show deles há 9(?!?!?)anos atrás, em Big Field City, e foi igualmente phoda. Teve uma tentativa frustrada uma vez, em que eu fui de ônibus num sábado pra uma inauguração de uma galeria lá na Barra...mas o show era ao ar livre e Murphy subornou São Pedro, aí fudeu. Mas ontem compensou. Alto nível, lugar pequeno(no máximo 250, 300 pessoas), chão acarpetado, poltronas numeradas em níveis diferentes de altura... Pena q o Iba não fotografou.

PS: Pra quem não entendeu o título do post, é um trocadilho com o nome da banda que significa o repouso dos quatro, já q eles começaram como quarteto.

quarta-feira, agosto 18, 2004

A vida como ela deveria ser...

Ok, ok. Mea culpa, mea culpa, mea maxima culpa. Foi o Pataxó que lembrou, lá no LSD. Há 35 anos, nos dias 15, 16 e 17 de agosto, 500.000 pessoas reunidas numa fazenda de um tal de Max Yasgur viveram a vida como ela deveria ser.



Cartaz do evento

Se eu fosse definir com uma expressão, eu diria que foi a maior expressão do prazer sensorial de todos os tempos.


O banho

Três dias de muito sexo, drogas e rock and roll. Se a finalidade da vida fosse atingir o êxtase do prazer físico, todos nós estaríamos apenas esperando o juiz apitar, pq o jogo já estaria ganho.


O transporte

O resto da população do globo, pobres mortais, não pode fazer nada a não ser babar o ovo de quem lá esteve, assistindo os vídeos e ouvindo o som. Ou assumindo o despeito e dizendo q "não foi tão bom assim, choveu pra caralho, o som tava uma merda e tinha q fazer cocô no mato".



Gente pra caralho

Que se foda o cocô no mato. Eu adoraria ter estado lá(OBS: Se o Parayba escreveu quase um livro pra falar da sua banda, como forma de penitência vai ficar o resto do mês só colocando posts sobre o Woodstock). Como não tem mais jeito mesmo, o máximo que eu posso falar é Feliz Aniversário, Woodstock! Vê se aparece, hein!

Olimpiadas do Pateta

Eu não vou chegar a esculachar igual o Allan Sieber fez, mas q o James tá coberto de razão, isso tá. Todo mundo agora sabe TUDO de TODOS os esportes."Ah, a Daiane é espetacular!!!", proclamam quase 200 milhões de especialistas em ginástica. "O Torben Grael é imbatível!", opinião unânime da própria pátria do iatismo. Eu quero q alguém me dê algum argumento técnico pra me explicar, por exemplo, pq a Daiane é melhor q a Daniele Hippolyto (é assim q se escreve esse nome escroto?). Ou pq q o Torben (olha só a intimidade do torcedor...) é mais foda do q qualquer outro iatista de nome tão ridículo quanto o dele. Eu pelo menos sou sincero. Tirando o vôlei (q eu sei q qdo a bola cai no chão é ponto) e o basquete e uma meia dúzia de 3 ou 4 esportes, eu não sei porra nenhuma de nenhum deles. Pra mim, a Daiane é melhor q a Hipopólito pq ela até que tem uma bundinha mais ou menos, e a Hipopólito é feia pra caralho, além de ser escrava do flamengo(é isso mesmo q vc leu, ela não recebe salário). Passou disso é muito pra minha ignorância. É por isso q eu digo: no final das contas, o esporte q o Brasil entende é esse aí embaixo.


Eleita a bunda mais perfeita das areias de Atenas

Por sinal, a bunda da Sandra Pires foi capa no JB e no Dia...Convenhamos, disso a gente manja BEM mais que judô ou ginástica...

segunda-feira, agosto 16, 2004

Sobre a espécie humana

Hoje na hora do almoço eu presenciei uma cena meio forte, pelo menos emocionalmente falando. Tô eu passando ali na Buenos Aires, naquele trecho entre a Quitanda e a Rio Branco, qdo vejo duas mulheres se abraçando. Uma loirinha e outra morena. Não, não é isso q vc tá pensando não, seu pervertido. Era um abraço "tipo assim" de despedida, sabe? Ali em frente ao Banco Real.
Titio filipensses e seu olho clínico desaceleraram o passo só pra acompanhar a situação. A morena foi embora e a loirinha - muito bonita, por sinal - veio andando bem devagar, aliás devagar demais para uma da tarde no centro da cidade. Parou diante da porta. Alguns segundos. E subiu. Qdo ela voltar por aquela porta, ela vai ser outra pessoa. Eu não preciso dizer pra vcs porta de quê, né? Só q aquele abraço e aquela paradinha da porta denunciaram outra coisa: ela nunca havia entrado ali.
Pus-me então a pensar sobre o quão pitoresco era esse fato; eu, um anônimo, presenciando um fato que ia ficar tatuado na alma dela até o fim de seus dias. Não vou discutir aki o que é certo ou errado. A reflexão da qual fui acometido em seguida era, na verdade, a seguinte: até que ponto somos fortes em nossas convicções? Até qual limite elas podem ser testadas? Quem condena seria capaz de fazer diferente? Não vou dizer q todas são iguais, há quem entre nessa por razões fúteis, mas não são dessas que eu estou falando. No final das contas, a única certeza que eu tenho é que o respeito é algo não deveria conhecer condições, e que considerar-me(nos) superior(es) não é nada além de ato de extrema vaidade. Acho q eu tô lendo muito o blog do Levi, tô ficando muito filosófico...

sábado, agosto 14, 2004

Orkutai-vos e Multiplycai-vos

Titio filipensses em dia inspirado resolveu acabar com a principal dúvida da humanidade - não, não é o sentido da vida, isso esses caras aki já fizeram e muito bem feito. A principal questão que assola a humanidade no momento é:

" - Pra que diabos serve o Orkut?"

OK, repetindo aquela piada já sem graça, vamos por partes. Existe UMA UTILIDADE no Orkut. UMA. Se vc achou mais de uma prepare-se, pois sua iluminação divina deve estar próxima. O Orkut é uma central de fóruns. Só isso. Só q lá se chamam "comunidades". Então, quem usa o Orkut e não PARTICIPA das comunidades, faz parte daquele imenso grupo de pessoas q estão se entreolhando embasbacados repetindo a pergunta daí de cima. Não adianta tb "colecionar" comunidades, se vc não participa. Quem me achar por lá e se der ao trabalho de olhar, vai ver q eu sempre coloco comentários nas comunidades em que eu participo. Sinceramente, não entendo como alguém (como por exemplo o nosso heróico Capitão Rapadura) pode participar ativamente de 58(?!?!) comunidades. Não acredito. Duvido q tenham posts do Capitão Rapadura em todas elas. E esse papo de colecionar amigos é entretenimento de quem quer arrumar sexo real por meios virtuais, o resto é balela. Senão vejamos: vc acha um amigo no Orkut, inclui esse cara entre os seus amigos - e aí? Tu fica mandando mensagenzinhas? Nada q vc já não faça por email, né? E além do q, é lento pra caralho. Tem até algumas comunidade chamadas Eu odeio o Orkut, mas eu não vou me dar o trabalho de comentar o quanto isso é ridículo. Por outro lado, gente não é figurinha pra se colecionar. Porra , o Marco Aurélio do Jesus, Me Chicoteia! tem quase 300 amigos no Orkut. Eu juro q e queria saber qual a diferença entre os quase 300 e ter um só. Agora...
...se vc acha q é possivel ter uma rede social na Internet, seu problema é só q vc tá procurando no lugar errado. Pq esse lugar é o Multiply, q (pasmem) vem sendo bastante divulgado no Orkut.
O Multiply tem uma interface bem clean, e tem um adicional de que vc pode usar como um blog pessoal. Vc pode inclusive selecionar os níveis de "visibilidade" dos posts do seu "blog" e das msgs pra sua "rede", ou seja, eu podia colocar um post no "meu blog do multiply" e permitir que só as pessoas A, B e C enxergassem o mesmo. Existe ainda a possibilidade de se manter a comunidade privada, ou seja, só lê quem é membro. Enfim, é maneiro pra caralho.Só tem um problema: é vazio. Qdo eu grito lá dentro faz um puta eco. Quase não tem comunidades e ainda não foi invadido por brasileiros. Pra mim só não serve pq no final das contas O Barroso ia ficar meio sem razão de ser. Enquanto no Orkut existem DUAS(?!?!?) comunidades chamadas Eu Odeio Ervilha, lá não tem porra nenhuma. Então fica assim: eu entro no Orkut pra bater meus papos sobre o Lakers, o Slackware, etc...e qq outra coisa vcs ficam sabendo aki no Barroso. Isso se vcs tiverem saco de ler posts desse tamanho...

quinta-feira, agosto 12, 2004

Prova de Ciências

Pra chorar de rir. Crédito seja dado ao Kibe Loco.

quarta-feira, agosto 11, 2004

Porque o Brasil pertence ao Terceiro Mundo

  • Didi Mocó é o nosso Carlitos

  • Pato Fu é o nosso Evanescence

  • Cacá Diegues é o nosso Stanley Kubrick

  • Walter Salles é o nosso Fellini

  • Jô Soares é o nosso Larry King

  • Sandy é a nossa Britney Spears

  • Wanessa Camargo é a nossa Cristina Aguillera

  • Aparecida do Norte é o nosso Vaticano

  • Rubinho é o nosso Schumacher

  • O Sucatão é o nosso Air Force One

  • Os Mutantes são os nossos Beatles

  • A Tropicália é o nosso Flower Power

  • Lampião é o nosso Robin Hood

  • Geraldo Vandré é o nosso Bob Dylan

  • A pinga é o nosso scotch

  • Catuaba é o nosso Viagra

  • No Limite é o nosso Discovery Eco Challenge

  • O Rio de Janeiro - qdo chove - é a nossa Veneza

  • O boteco é o nosso pub

  • O cavaquinho é a nossa guitarra elétrica

  • Belém-PA é a nossa Belém

  • Herbert Vianna é o nosso Steve Vai

  • Celso Blues Boy é o nosso Stevie Ray Vaughan

  • Ronald Biggs é o nosso ...Ronald Biggs(!)

  • Beira-Mar é o nosso Al Capone

  • Caetano Veloso é o nosso Mozart

  • Chico Buarque é o nosso Beethoven

  • Cazuza é o nosso Jim Morrison

  • Machado de Assis é o nosso Shakespeare

  • Serguei é o nosso Mick Jagger

  • O Paraguai é o nosso Vietnã

  • Santo André é o nosso Real Madrid

  • Arnaldo Batista é o nosso Syd Barret

  • São Tomé das Letras é a nossa Machu Picchu

  • A Rede Globo é a nossa CNN

  • Malhação é o nosso Baywatch

  • Paulo Coelho é o nosso J.R.R Tolkien e...

  • ...O Diário de Um Mago é o nosso Senhor dos Anéis

  • O Tietê é o nosso Rio Sena

  • O Ibirapuera é o nosso Central Park

  • São Paulo é a nossa Nova York

  • A Barra da Tijuca é a nossa Miami

  • Varginha é a nossa Área 51

  • Zé do Caixão é o nosso Boris Karloff


  • Antes q vcs perguntem, isso aí é 100% Barroso, portanto criação da mente fértil desse pseudo-editor q vos escreve.

    segunda-feira, agosto 09, 2004

    Marketing Agressivo

    Vc votaria num jegue pra vereador? Não? Pois saiba q em Guapimirim tem um q é candidato. Ehhrr, bem na verdade não é um jegue propriamente dito, mas o nome de guerra de um candidato daquele município. Se por acaso vc deu o azar de não votar em Guapimirim mas vota em Paracambi, de repente vc curte cinema e se identifica com o(a) Pipoca Nota 10. Não consegui averiguar se o candidato é homem e/ou mulher, só sei q o cara/a mulher deve sacar um bocado de fazer pipoca. Pré-requisito, diga-se de passagem, para um cargo na Assembléia Legislativa. Agora, se vc vota no Rio e ficou com inveja, vai aí uma dica - principalmente para aqueles q gostam de receber favores em troca do voto: vote em Maria Chupetinha.

    PS: Niteroienses, não vos desespereis. Vcs podem votar no Homem dos Legumes.

    PS2: Cês não tão acreditando, né? Então tá, a notícia tá aki no JB. Quem cantou a pedra foi o Voto que Pariu, nesse post aki.

    sexta-feira, agosto 06, 2004

    Alegria de pobre dura pouco

    OK, filipensses is back. Como eu havia prometido, segue a razão do "meio-sumiço": como o próprio nome do post sugere, meu pequeno projeto de gente foi embora. Rolou um sangramento na terça à noite, quarta eu nem fui trabalhar, hj veio a confirmação. Até segunda ordem, nós dois continuamos dois ainda. Quarta foi um dia de profunda tristeza - tanto q eu nem comentei no blog do Levi o lance do assalto (foi mal, Levi) - ontem e hj foi aquela tensão toda, hj à noite saiu o resultado do exame. Não sei se foi pq o Michael aterrorizou o menino dizendo q ele ia ser flamenguista (brincadeira, Iba!), mas o fato é q ele não tá mais lá. Segundo a médica, provavelmente não estava formado direito, daí ele ter ido embora. Nós vai continuar tentando, mas não pra dizer q é fácil pq não é. É mó deprê. Eu já tinha ouvido inúmeros casos de gente q sangrou durante a gravidez e teve o filho normalmente, cheguei até a ficar um pouco animado, mas infelizmente não foi assim com a gente. Tava até já com uns posts na cabeça, tentando recuperar o bom humor e com um pouquinho de esperança, mas foi em vão. Vou continuar tentando postar normalmente, até numa tentativa de "tocar pra frente", mas não esquentem se minhas piadas tiverem menos graça do que o habitual, pois é bem possível q elas não reflitam com perfeição meu estado interior. Se Deus quiser, em breve terei boas notícias pra colocar aki e o Levi vi poder continuar fazendo as charges dele sobre a gente...vcs ficarão sabendo. Desde já, do mesmo modo q vcs ficaram felizes com a notícia eu sei q vcs vão me dar força nessa hora, então eu já tô agradecendo.

    quarta-feira, agosto 04, 2004

    Vida Real 10 x O Barroso 0

    O Barroso tá apanhando meio feio. Vou ficar uns dias sem postar, podem continuar comentando q eu passo aki de vez em qdo pra ler. Qdo eu voltar eu explico.

    segunda-feira, agosto 02, 2004

    Fudendo o Saddam

    O Ranzinza cantou a pedra, q saiu lá no JB (esse link aki) . Satã Goss Saddam Hussein tá com uma infecção na próstata e os americanos tão querendo fazer biópsia no cara. Depois de fuder o Iraque, Baby Bush quer fuder o Saddam - literalmente, rsrsrsrs...

    Enquanto isso, na Clínica Proctológica Pregas Pra Que Te Quero...

    Bush: " - Calm Down, Saddam, não vai doer nada..."

    Saddam: " - É pq a prega não é tua, ianque filho-da-puta..."

    Bush: " - Don't worry...Alá vai te cuidar de vc..."

    Saddam: " - Então eu vou ficar livre???"

    Bush: " - No, no...Alá é nome do médico...ele é chamado assim pq todo mundo q vê o tamanho do dedo dele vira a cara pra Meca e começa a gritar: Alá!!Socorro, Alá!!! Alá!! Aláaaaaaaaaaaaaiiiiiiiiiiiiii!!!!"

    Out from the grave

    Carrie, a estranha , em versão mais apimentada, rsrsrs (copiráite do Boldinho)...o texto q ele botou lá é outro, a analogia com o filme é q é minha...Infelizmente não vou poder colocar o link pro post original pq o Favela Tour não disponibiliza links por post (pra kem naum sabe, o link com a hora do post aí embaixo é um link para aquele post somente). De qq modo, tá no mês de julho, procura lá q cê vai achar. Baideuêi, quem não viu o filme não vai entender porra nenhuma...

    domingo, agosto 01, 2004

    Imbatível

    Vcs podem até argumentar q o post abaixo foi encheção de lingüiça (embora eu discorde), mas uma coisa é indíscutível: esse é beeem pior. Imbatível, eu diria.

    Roteiro Cultural Barroso desse Domingo

    Filmes:
    • Sobre Meninos e Lobos, do Clint Eastwood: muito foda, elenco estelar (Sean Penn, Tim Robbins, Laurence Fishburne).
    • Gangues de Nova York, do Scorcese: bem, é do Scorcese, isso chega, né? Bom pra caralho.
    • O Pianista, do Polanski: eu tinha uma implicância com o Polanski - até hj à tarde. Se vc não viu, sua vida está incompleta ainda. Pra dizer o mínimo.
    Som:

    • Baixei umas músicas do King Crimson e do The Doors. Trilha sonora dominical basicamente composta de One More Red Nightmare, Lizard e Red. Essa última faz vc agradecer a Deus por ter uma guitarra em casa.
    • O toca-fitas do carro tá com a fita do Misplaced Childhood do Marillion e eu não troquei, então on the road foi Marillion. Merecidamente, quem não conhece tá na mesma categoria de quem não assitiu O Pianista.