quarta-feira, junho 02, 2004

Clássico da literatura

Lá vai o filipensses caminhando durante sua hora de almoço, qdo sabe-se lá pq resolve entrar na livraria do CCBB. Lá eu acho uma pérola chamada "Dicionário de Insultos Brasileiros". Bicho, eu ri tanto q fiquei sem graça. Filha-da-puta e puta foram descritos como "clássicos". Putada foi ótimo: coletivo de putas. Além do fator cultura, é claro, pois é sempre legal saber q vc pode chamar uma mulher gorda e feia de saco-de-peido. Empalado é descrito da seguinte forma: aquele q introduz no reto varas, preferencialmente longas e grossas. Isto lhe causa grande alegria. Mas engraçado de verdade foram os dois aí de baixo:

puta-que-pariu: Abreviação de "vá para a puta-que-pariu". É duplo, pois atinge a vítima por intermédio da mãe, para cujo regaço recomenda-se que ele vá.

cu: Pessoa horrível, abjeta, sórdida, repugnante."Meu sogro é um cu".

Agora tu imagina tu de terno, no centro da cidade, num lugar xiqui nu úrtimo q é o CCBB, lendo uma porra dessa - diz q tu não ia pagar o mesmo mico q eu?